Artrose no joelho

A artrose é uma doença de caráter inflamatório e degenerativo que provoca degradação da cartilagem articular.

A artrose ou osteoartrite é uma doença de caráter inflamatório e degenerativo que provoca degradação da cartilagem articular. O joelho é uma das articulações do corpo que é mais frequentemente acometida. Quando afeta o joelho também é conhecida como gonartrose.

Causas da Artrose:

Existem diversas causas para o desenvolvimento da artrose e, na maioria dos casos, é o somatório de alguns fatores que é o responsável pelo
desgaste articular. No entanto, algumas causas são mais frequentes:

  • Predisposição genética
  • Pacientes com história de trauma no joelho (lesões ligamentares e fraturas).
  • Cirurgias prévias, como retirada de meniscos
  • As mulheres estão mais propensas a desenvolver artrose
  • Pacientes em idade avançada
  • Joelhos quando desviados para dentro (genu varo) ou para fora (genu valgo)
  • Obesidade: A ideia inicial é que as pessoas obesas desenvolveriam artrose exclusivamente pelos danos biomecânicos provocados na cartilagem devido ao excesso de peso. No entanto, estudos recentes evidenciam que alterações bioquímicas nestes pacientes também estão diretamente relacionados com o processo de degradação articular. O paciente obeso tem elevados níveis de leptina na circulação. Esta proteína esta envolvida na inflamação de articulações e conseqüente desgaste.

Quais são os sintomas da artrose no joelho?

A artrose e uma doença que progride lentamente. Os sintomas, portanto, são insidiosos. O quadro inicia com dor, geralmente pela manhã ou após
longos períodos parado na mesma posição. Quando a doença evolui, pode aparecer derrame articular (líquido inflamatório dentro do joelho), crepitação (estalidos, como se tivesse areia na articulação) e deformidade. A piora da dor pode acarretar restrição de movimentos.

Tipicamente o paciente apresenta períodos que oscilam entre crises de dor e alívio espontâneo dos sintomas.

O tratamento para ruptura de LCA pode ser cirúrgico ou conversador, mas, para isto devemos levar em conta uma série de fatores, como:
Qual o grau de instabilidade? O paciente tem falseios? Pratica algum esporte ou é sedentário? Qual a idade do paciente?
Portanto, você deve consultar um Cirurgião de Joelho, conversar sobre seus sintomas e expectativas e juntos decidir qual o melhor tratamento.

O que fazer? como tratar artrose no joelho?

O tratamento para artrose pode ser cirúrgico ou não, dependendo do grau de degeneração, idade do paciente e nível de atividade. Antes de operar,
devemos esgotar todas as opções disponíveis. Os pacientes são orientados a reduzir o peso, são submetidos a um programa de exercícios específicos e, em alguns casos, o uso de palmilhas para mudar a mecânica do joelho.
Existem medicações para o tratamento da cartilagem, os chamados condroprotetores. Elas não recuperam a cartilagem gasta, tendo como objetivo principal reduzir a velocidade da progressão da doença e aliviar
as dores.

Como alternativa ainda temos um procedimento chamado de viscossuplementação que consiste na infiltração de uma medicação a base de ácido hialurônico que melhora a lubrificação do joelho com artrose.

Nas crises intensas de dor, acompanhadas de derrame articular, pode ser necessário realizar uma punção para retirada do líquido seguido de infiltração com corticóide. Este procedimento ajuda a diminuir o processo inflamatório e desta forma, combater a dor.

Existem diversas opções cirúrgicas, dentre as quais se destacam as osteotomias (cirurgia que visa a correção de desvios ou deformidades dos
membros inferiores), artrocopia (indicada nos casos em que há bloqueio articular na qual se removem fragmentos de cartilagem soltos ou de meniscos que estejam impedindo o movimento normal da articulação) e
finalmente a prótese de joelho.

Prótese de Joelho

A colocação de prótese de joelho, chamada de artroplastia total do joelho, é uma cirurgia onde há a substituição completa da articulação. Este tipo de cirurgia cessaria o processo da artrose. Devemos avaliar uma série de fatores para indicar este procedimento, tais como:

  • Artrose de grau moderado a severo;
  • Paciente sem problemas de saúde graves;
  • Idade superior a 60 anos;
  • Paciente que não seja muito ativo;

A prótese de joelho tem uma durabilidade variável. De uma forma geral, entre 15 a 20 anos. Depende do nível de atividade do paciente, sendo que quanto mais ativo, maior o desgaste dos componentes; idem para os pacientes obesos, onde a sobrecarga atua de forma negativa. Perda de massa muscular também é outro problema, visto os músculos da coxa podem ajudar a proteger o joelho. O paciente, portanto, mesmo após a artroplastia de joelho, deve seguir com um programa de manutenção orientado pelo Cirurgião de Joelho e acompanhado por um fisioterapeuta.

Marcação de Consultas

Você pode solicitar a marcação de sua consulta através de:
(51) 3334-9990

Solicite Informações

  • This field is for validation purposes and should be left unchanged.

ARTIGOS E PUBLICAÇÕES

Artroscopia do Joelho

09 April 2018 By Herberton Timm in Sem categoria

Artrose – Saiba como prevenir

09 April 2018 By Herberton Timm in Sem categoria

Dicas importantes para seu joelho

19 August 2017 By Herberton Timm in Sem categoria

Ruptura do LCA

19 August 2017 By Herberton Timm in Sem categoria

CONVÊNIOS ACEITOS

TOP
Heberton Timm Médico Ortopedista Especialista em joelho

Heberton Timm